Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: C:\Users\Ervas\Desktop\ervas e doencas\aborto_arquivos\image001.jpg

Voltar a pagina inicial

Cólicas

Fone 43 3325 5103

Como combater as cólicas do bebê

Para combater as cólicas do bebê que surgem a partir da segunda semana de vida e por causa do intestino do bebê ainda ser imaturo, pode-se seguir algumas dicas, como:

  • Massagear a barriguinha do bebê com movimentos circulares, como mostra a imagem 1;
  • Aquecer o abdômen com uma bolsa de água quente;
  • Com o bebê deitado de barriga para cima, empurrar suas perninhas em direção ao abdômen, de forma a comprimir a barriga do bebê, como mostra a imagem 2;
  • Fazer movimentos de bicicleta com as perninhas do bebê;
  • Colocar o bebê para arrotar, sempre depois das mamadas.

Descrição: http://static.tuasaude.com/img/posts/2014/05/370df43839bc912fdf8c0e207b2e6b44.jpeg

Descrição: http://static.tuasaude.com/img/posts/2014/05/ee21bda728fae22859c9b83f0be30cc2-315_210.jpeg

Quando o bebê sente cólica é normal ele chorar muito. Quando ele chorar, dê colo e tente acalmar o bebê, e quando ele parar de chorar, siga as dicas acima citadas. Estes movimentos ajudam a libertar os gases intestinais e aliviam as cólicas do bebê de forma natural e eficaz.

Remédios como o Luftal ou Funchobaby só devem ser dados ao bebê sob orientação do pediatra.

 

Remédio caseiro para combater as cólicas do bebê

Um ótimo remédio caseiro para cuidar das cólicas do bebê que já não mama no peito é dar para o bebê sempre antes e após ele mamar na mamadeira, pequenas doses de chá de camomila e erva-doce, pois estas plantas medicinais possuem efeito antiespasmódico que alivia as cólicas e diminui a produção de gases.

No caso de bebês que mamam exclusivamente no peito, a melhor solução pode ser a mãe beber estes chás, pois eles passam através do leite, podendo aliviar as cólicas no bebê.

Para o chá: Colocar 1 colher (chá) de camomila e outra de erva-doce em uma xícara com água fervente, deixar descansar e dar para o bebê quando esfriar.

Três estudos feitos mostraram resultados significativos na melhora da dor com o uso de extrato de erva-doce e chá de ervas como camomila e erva-cidreira. A intervenção dos pais para dar conforto ao bebê também é muito significativa e importante para diminuição e controle da dor, seja por meio de massagens ou do toque – diz Ana Teresa Stochero Leslie.

Alimentos que a mãe deve evitar por causa das cólicas no bebê

Os alimentos que a mãe que amamenta (lactante) deve evitar comer em excesso porque podem causar cólicas no bebê são:

  • Brócolis, couves, couve-flor, couve-de-bruxelas e alguns outros tipos de hortícolas da família das crucíferas;
  • Pimentos, pepino e nabo;
  • Feijão, grão, favas, lentilhas e ervilhas.
  • Feijão, grão, favas, lentilhas e ervilhas.

A lactante deve estar atenta aos sinais que o bebê pode apresentar após a mamada, como gases, choro, irritação ou dificuldades em dormir se ingeriu estes alimentos. Se estes sinais forem evidentes, a lactante deve, inicialmente, variar a qualidade, reduzir a quantidade e fracionar entre as refeições o consumo dos alimentos destes grupos.

Quando as medidas anteriores não têm resultados positivos, pode ser necessário deixar de consumir estes alimentos pelo menos nos primeiros meses de amamentação, para depois voltar a introduzi-los mais tarde em pequenas quantidades, testando a reação do bebê.

Chá que combate gases e cólicas em bebês

Gases e cólicas em recém-nascidos, além do sofrimento dos pequeninos, causam muita preocupação nos pais.

Ainda bem que a natureza tem remédio para esse incômodo: o chá da casca de cebola.


Ele é feito com uma quantidade muito pequena de casca, para que fique fraquinho,  


E os pais devem dar uma colher de café desse chá ao bebê.


Depois é esperar os sintomas desaparecerem.


Descrição: http://1.bp.blogspot.com/-qVf18DWz9ls/UlFw4Xl7NwI/AAAAAAAAEvU/-YoZ2lqW_SE/s320/C%C3%B3licas+Infantis+-+ch%C3%A1.jpg

Sempre que perceberem o bebê sofrendo com gases e cólicas, os pais devem dar esse chá - na quantidade indicada - à criança.

Agora vamos ensinar como fazer o leite de vegetais, base de refeições que são leves e, por isso, não costumam causar gases nos bebês.


LEITE DE VEGETAIS


Utilize o leite de vegetais para fazer vitamina, papinha, para dar puro ao bebê e em outras receitas.


Basta usar a imaginação!


Se quiser adoçar (só um pouquinho!), use mel, frutose, chá de stévia ou pó de stévia, uma planta usada para fazer adoçante.


Mas cuidado com os adoçantes à base de stévia, pois muitos usam outras substâncias.


Leia sempre o rótulo para saber se há outras substâncias além de stévia e água (no caso de adoçante líquido).


No preparo do leite vegetal, use sempre água filtrada ou mineral.


LEITE DE AVEIA


1 xícara de chá de aveia

500 ml de água

Coloque a aveia na água e deixe de olho por duas horas em um recipiente de vidro ou de louça.


Depois desse tempo, liquidifique bem e coe com um pano limpo. Se ficar muito grosso, adicione mais água.


Dê ao bebê com moderação, pois a aveia é rica em ácido fítico, que dificulta a absorção de cálcio.


Guarde na geladeira por no máximo dois dias.


LEITE DE GIRASSOL


1 xícara de sementes de girassol

700 ml de água

Lave as sementes de girassol com água e deixe de molho em água com uma colher de chá de vinagre por 15 minutos num recipiente de vidro. Lave novamente, acrescente água e deixe de molho da noite para o dia no mesmo recipiente de vidro, que deve estar bem tampado. Pela manhã, retire a água do molho, adicione os 700 ml de água e liquidifique bem. Coe com um pano limpo e guarde na geladeira por no máximo dois dias.


Obs. 1: O leite de girassol não suporta fervura. Portanto, só o adicione a receitas que não vão ao fogo. Faça vitamina, misture com suco ou dê puro ao bebê.


Obs. 2: Se não encontrar a semente de girassol sem pele, use aquele girassol com casca, que é dado a passarinhos. Só tenha o cuidado de lavar bem. O único inconveniente de usar o girassol com a casca é que o leite fica meio escuro e o sabor fica mais acentuado. Se tiver paciência, retire a casca do girassol depois do molho, antes de liquidificar.


LEITE DE AMÊNDOAS


1 xícara de chá de amêndoas sem pele

700 ml de água

Lave bem as sementes de amêndoa, acrescente água e deixe de molho da noite para o dia num recipiente de vidro, que deve estar bem tampado. Pela manhã, retire a água do molho, adicione os 700 ml de água e liquidifique bem. Coe com um pano limpo e guarde na geladeira por no máximo dois dias.


Se ficar forte para dar ao bebê, adicione mais água.


LEITE DE ARROZ INTEGRAL


1 xícara de chá de arroz integral

700 ml de água

Lave o arroz à noite e deixe de molho numa vasilha de vidro. Pela manha, adicione mais água e cozinhe por dez minutos. Tampe e deixe amornar. Liquidifique e coe com um pano limpo. Guarde na geladeira em um recipiente fechado e use em no máximo dois dias.


Faça assim também leite de trigo ou cevada (em grão).


Para dar ao bebê na mamadeira, use metade do leite e metade de água morna ou chá fresco.


LEITE DE GERGELIM


Meia xícara de semente de gergelim

500 mil de água

Lave bem as sementes de gergelim, acrescente água e deixe de molho da noite para o dia num recipiente de vidro, que deve estar bem tampado. Pela manhã, retire a água do molho, adicione os 500 ml de água e liquidifique bem. Coe com um pano limpo e guarde na geladeira por no máximo dois dias
. - See more at: http://www.curapelanatureza.com.br/2013/10/cha-que-combate-gases-e-colicas-em-bebes.html#sthash.kTghYNhX.dpuf