Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: C:\Users\Ervas\Desktop\ervas e doencas\aborto_arquivos\image001.jpg

Voltar a pagina inicial

Dores dentárias 

Fone 43 3325 5103

Remédios caseiros contra abscessos

Receitas naturais e FVM para tratar e curar abscessos em dentes e gengivas & infecções na mandíbula e no maxilar.

Descrição: Remédios naturais para abcessosComo foi mencionado noutra parte, esse site é sobre a promoção de soluções FVM simples, de baixo custo e extremamente eficazes para problemas dentários comuns...

Conteúdo sob copyright © 2015 CuraDente.com

 

 

... e, a propósito, meu remédio favorito contra dor de dente, um simples tratamento com água salgada, também parece funcionar bem em abscessos doloridos em dentes, ou melhor, em gengivas (dentes/gengivas cheios de pus) ao possibilitar que o pus seja gradualmente drenado para fora enquanto mata os germes.

Como confirmou a visitante Laurie, "Eu tinha um abcesso há cerca de um mês e, em nunca crença desesperada de que deveria haver um modo natural de curá-lo comecei a pesquisar no Google e encontrei seu site e fiz o que você sugeriu com o sal marinho e ele se foi em um dia, não mais existe há mais de um mês. Também passei a usar um pó dental que consegui em minha cooperativa local que não tem nenhum daqueles ingredientes que você mencionou que suprimem a capacidade natural de cura dos dentes."

Como se pode ler num fórum da internet “nenhum dentista sabia nada melhor até o presente, do que extrair o dente, antibiótico ou resseção..."

Segue-se uma lista de sugestões baseadas em minha e/ou de outros experiência com o tratamento eficaz e a eliminação de abcessos dentários e/ou a dor associada a eles. Ao ler as muitas ideias que funcionaram para várias pessoas (mesmo com abcessos dentários extremamente doloridos), sugiro que siga sua intuição e/ou o que você tiver disponível em sua despensa, inclusive combinando vários desses remédios, segundo sua inspiração1...

Água & sal

Ponha um pouco de sal (o melhor é usar sal marinho não refinado) em um recipiente. Se disponível e para permitir que o sal se dissolva rapidamente, derrame um pouco de água fervente. Adicione água fria para trazer a solução à temperatura do corpo. Enxágue a sua boca vagarosa e completamente, mantenha a salmoura na boca por um momento. Faça isso quando necessário quando há dor e como um tratamento regular “germicida”. Se a dor, etc., persistir, tente preparar uma solução salina mais forte para aumentar a força de “extração” e osmótica da lavagem.

Conserve limpa a parte infectada (sal, bicarbonato de sódio, óleo de melaleuca, água oxigenada, prata coloidal, etc.)

Lave frequentemente com desinfetantes como sal, bicarbonato de sódio, óleo de melaleuca, água oxigenada, etc. (se disponível, poderá usar uma waterpik e se o seu dispositivo permitir, adicionar água oxigenada, bicarbonato de sódio, vinagre, iodo, sal, etc. Assegure-se de lavar a waterpik depois usando água limpa). Quando usando a água oxigenada, assegure-se de diluí-la adequadamente com água e além de enxaguar sua boca com ela, para uma melhor penetração você poderá embeber um pedaço de algodão com água oxigenada e meter ou segurá-lo por cima do abcesso. Se a dor aumentar, siga, por exemplo, com um cataplasma de açafrão. Mais sobre o uso do óleo de melaleuca

Se a dor permitir, inclua

Extração a óleo (bochecho com óleo)

que pode trazer cura dramática de um abcesso dentário ou da dor de um dente com abcesso, às vezes em um dia, outras vezes em semanas, já que essa simples rotina parece puxar toxinas da boca e, de fato, de todo o corpo (informação detalhada sobre extração a óleo para a saúde [dentária]).

Se você usa um óleo antiviral e bactericida como óleo virgem de coco (veja em inglês Another tooth-friendly oil? Virgin coconut oil [Óleo amigável aos dentes? Óleo virgem de coco]), você poderá, adicionalmente, acelerar a cura do abcesso. De fato, o Well Being Journal [Jornal do Bem-estar] Vol.17 # 6 traz um artigo sobre extração a óleo que menciona um caso em que o dentista havia removido dentes apenas por haver abcesso e depois testemunhou o surgimento de novo abcesso. O problema finalmente desapareceu quando o paciente começou a bochechar com óleo de coco várias vezes ao dia.

Fortaleça seu sistema imunológico

Como ocorre com provavelmente todas as infecções, pode ser importante fortalecer sua defesa imunológica. Há muitas coisas que podem ajudar, a começar por comer/beber saudavelmente, reforçando seu consumo natural (ou sintético, nesse caso) de vitamina C e iodo (recomendo algas marinhas para o ultimo), desestressar (veja em inglês Thoughts, feelings & toothache [Sobre o efeito de pensamentos e emoções para dor de dente] e Emoções e Cáries, consumindo ervas fortalecedoras da imunologia, como equinácea, alho, extrato de semente de toranja e muitas outras, prata coloidal, e praticando EFT. Até a visualização pode ser poderosamente eficaz para matar “intrusos” indesejáveis.12

Limpe e desintoxique seu corpo

por meio de jejum com sucos e/ou outros métodos de desintoxicação que lhe atraia.13

Alho & pó de alho

O alho é naturalmente um dos “mais poderosos antibióticos da natureza”.2

Para ajuda com abcessos dentários, você pode, por exemplo fatiar um dente de alho ao comprido e colocá-lo na área inchada, deixá-lo lá ou mastigá-lo e repetir com alho fresco até a dor e o abcesso (inchação) retrocedam (o que pode ocorrer em minutos ou levar vários dias; o alho queimará [e vi um relato sobre bolhas que se formaram na boca de uma pessoa]).

Você também poderá preparar uma “bebida de alho” misturando alho fresco com água e usando-a para enxaguar seus dentes e boca (a propósito, o respirar esses vapores provavelmente auxiliará a combater quaisquer resfriados ou doenças similares).

Saquinho de chá molhado

Já mencionado em remédios de ervas para dor de dente, sacos de chá úmidos são também úteis para abcessos dentários. Simplesmente embeba o saco de chá em água, torça-o, coloque-o sobre a área inchada, então segure-o ou chupe-o ou vá dormir. O saco de chá ajuda a trazer a infecção à tona e absorve algumas das toxinas/pus (ele pode ser o conteúdo do tanino [um adstringente] que promove a drenagem das toxinas). Após o pus ser liberado, lave com água salgada, com água oxigenada, óleo de melaleuca ou outros desinfetantes naturais.

Açafrão-da-terra (curcuma longa)

pode rapidamente tirar dor de abcesso e reduzir a inflamação. Misture uma colher de chá com um pouco d’água para obter a consistência de lama. Após limpar sua boca (veja acima sob “Mantenha a parte infectada limpa”), aplique diretamente ao abcesso dentário ou ponha alguma da mistura num chumaço de algodão ou pedaço de tecido antes de pô-la no local infectado (tome cuidado para não manchar acidentalmente algo, o açafrão prontamente solta sua cor amarela).

Além disso você pode ingerir o açafrão, por exemplo misturado com stevia ou xilitol numa bebida quente.

Outro método consiste em bochechar com açafrão (adicione, por exemplo, meia colher de chá de açafrão e uma colher de chá de sal a um copo com água morna, ou extraia com óleo misturado ao açafrão, e/ou escove suas gengivas e dentes com essas misturas.

Mil-em-rama

Aqueça ou faça infusão de um pouco em óleo de oliva – use um cotonete para aplicar sobre o dente dolorido (não precisa estar morno para funcionar – apenas use um pouco de calor para preparar a sua infusão no óleo e pode ser usado frio). Isso ajudou um visitante do site com uma dor muito forte oriunda de abcesso.

Óleo de cravo-da-índia contra dor de abcesso dentário

Veja Remédios para dor de dente: baseados em ervas e plantas.

Água fria / pacotes de gelo

Semelhantemente aos remédios listados sob Dor de dente: como entorpecer a dor - você pode deixar correr água fria sobre o abcesso e/ou usar um pacote de gelo para diminuir a dor, ajudar com o inchaço e impedir que a infecção dentária se espalhe.

Tintura de própolis (extrato alcoólico)

Mergulhe um cotonete ou chumaço de algodão na tintura de própolis (ou use o seu dedo limpo) e aplique ao abcesso, segure por algum tempo (qualquer sensação inicial de queimação deverá logo findar). A própolis, dentre outras coisas, é anti-inflamatória e antimicrobiana (veja informação detalhada sobre a própolis).

Tratamento com urina

Mais em Urinoterapia para a cura de problemas com dentes e gengivas

. A urina, nojenta como possa parecer ao não-iniciado, pode ser um remédio verdadeiramente soberano.

Ichtholan

O testemunho e sugestão terapêutica seguintes para abcessos da mandíbula/do maxilar envolvendo o Ichtiolan (uma "pomada extratora" preta, possivelmente não disponível fora da Alemanha, informação em inglês em www.ichthyol.com/abscesses_furuncles_ichtholan_50.html) foi traduzido por © CuraDente de um forum de discussão alemão baseado nos ensinamentos de auto-cura do Dr. Ryke Geerd Hamer3.

"Repetidamente tenho a bochecha inchada por causa dos meus molares inferiores...estou certo de que não tenho cáries, creio que os implantes são resistentes às cáries. Mas o osso, o osso…frequentemente tenho furúnculos lá, do tamanho de uma cereja e eles podem doer como o inferno. O meu seguro de saúde não paga para uma extirpação e limpeza e estou feliz que não o façam. Tal coisa apenas traria mais dano ao osso, que procura autocurar-se e quer se reconstruir.

Encontrei meu próprio remédio que alivia a dor em minutos, embora tenha eu de aceitar manter minha bochecha inchada por algum tempo. Leva algum tempo para que o pus seja drenado da bochecha. Possivelmente a água salgada ajudaria nesse caso.

Então, o que faço para me livrar da dor é usar Ichtholan, aplicando-o à bochecha, do lado de FORA. Isso drena o pus para a bochecha, removendo a pressão (e assim a dor)…”

Confrei

A julgar por um pequeno relato de sucesso que recebi, os cataplasmas de confrei aplicados externamente podem se mostrar úteis também.

Prata coloidal

Com suas propriedades antibióticas e antimicrobianas, a prata coloidal constitui outro bom remédio FVM para abcessos, usado por exemplo como um spray de prata coloidal. Mais

Cepacol

O pesquisador odontológico Dr. Gerard F. Judd4 recomenda: "Abcessos podem ser compensados mantendo-se Cepacol (14% de álcool) na boca durante 5 minutos."

Homeopatia: Hepar sulfuris (Hepar sulph)

No mesmo forum alemão mencionado acima, um comentário (tradução © por CuraDente) recomendava o seguinte:

"Como você deve certamente saber, os remédios homeopáticos não são simplesmente prescritos para uma doença [mas adaptado ao indivíduo]…mas com coisas como [abcessos] tive boas experiências usando o seguinte para o meu marido e amigos:

Hepar sulfuris é um remédio para pessoas com uma propensão a abcessos supurados e furúnculos.”

Por favor observe que remédios homeopáticos pode ser cancelados ao se ingerir simultaneamente outras substâncias.5

Óleo de borragem / óleo de oliva / pacotes com folhas de repolho

Veja as descrições dadas em Infecções da cavitação dentária: auto-abordagens terapêuticas para sua saúde?.

Homeopatia: outros remédios

Vários remédios homeopáticos são tidos como eficazes contra abcessos, como o acônito. O dentista holístico Dr. Bill Wolfe (www.drwolfe.com) recomenda, para abcessos dentários:

Um comentário privado encontrado na internet relatou que com infecções localizadas, eles usaram com sucesso Hepar Sulphuris para "apanhar" a infecção, e em seguida Silicea para expelir a infecção (usando as potências medianas C12- C30).

Sal tecidular número 4 para “bolsas de pus” de raiz dentária

Veja Homeopatia e sais tecidulares (célula) para tratamento de problemas dentários.

Bicarbonato de sódio

Um poderoso agente de cura e parte natural de nosso corpo, o bicarbonato de sódio sempre é valioso para se adicionar a qualquer coisa que você faça, ou até mesmo para ser usado como primeira medida. Mais sobre o bicarbonato de sódio para cuidados dentários e outras aplicações.

SMM (Suplemento Mineral Milagroso / solução mineral mestra)

Essa é uma substância relativamente barata e disponível na internet e tem sido usada para combater eficazmente várias infecções, inclusive na área dental. Mais em inglês sobre o SMM e seu efeito aparentemente poderoso contra abcessos dentários.

Castanhas de caju/óleo de castanha de caju

São tidos como auxiliares na cura de abcessos. Aparentemente as bactérias envolvidas com os abcessos dentários são geralmente gram positivas, e os ácidos anacárdicos encontrados nas castanhas cruas de caju são letais para essas bactérias.6

Óleo de hortelã-pimenta, folhas secas de hortelã-pimenta, aveia

Coloque algumas folhas de hortelã-pimenta ao redor do abcesso ou dente, cuspa-as fora após alguns minutos. Repetindo isso algumas vezes ao dia deverá transformar o abcesso em furúnculo. Abra o furúnculo com um objeto pontiagudo (agulha, etc.), repita o tratamento com hortelã-pimenta. Também lave com água salgada morna. “A aveia funcionará para sacar um abcesso, mas o hortelã-pimenta também alivia a dor.”

Carvão ativado

Um excelente remédio/desintoxicante natural, mas que não é realmente barato, veja Compressa de carvão ativado.

Argila de bentonita cálcica

Outro desintoxicante natural usado para cura dental, veja Argila de bentonita para inchaço & dor em gengivas & dentes.

Ímãs

Há pouco tempo, encontrei essa referência intrigante: “Minha experiência de 20 anos indica que a maioria das infecções de dentes resultantes de tratamento de canal ou abcessos podem ser eliminadas permanentemente com ímãs.”7

Comer tomates crus / pacote com pasta de tomate

Experimente comer vários tomates crus de uma vez, seu abcesso poderá rebentar. Uma receita semelhante contra abscessos dentários indica a “pasta de tomate Hunt" (creio que qualquer pasta de tomate servirá) para ser usada como uma compressa sobre o abscesso, com a acidez dos tomates a ajudar a aliviar a dor e trazendo o abscesso à maturação.

Óleo de Orégano

Veja remédios de ervas para dor de dente.

Chá de Trevo vermelho (trifolium pratense)

As flores do trevo vermelho são tidas como não apenas um erva eficaz contra o cancer8 mas segundo uma receita encontrada em earthclinic.com, 1 colher de chá de trevo vermelho num coador/infusor, banhada numa xícara de água fervente durante o mínimo de sete minutos e bebida duas vezes ao dia é muito eficiente contra a dor de um dente com abcesso (diminua para apenas uma xícara ao dia após a dor diminuir).

Cebola

Veja Cebola, cebola verde & flores de cebola.

Vinagre de sidra

Por algum vinagre de sidra (preferencialmente orgânico) na área do dente/gengiva com abcesso. Assegure-se de lavar sua boca com água já que o vinagre retirará cálcio do seu esmalte dentário9 (e se você usar vinagre de sidra regularmente, veja9 Alimentos a usar com cautela para mais sugestões sobre como minimizar qualquer dano possível).

Feno-grego (trigonella foenum-graecum)

Aplicação sugerida para puxar a infecção de um dente com abcesso:
prepare um chá com feno-grego e use-o como desinfetante bucal, aplique-o também diretamente embebendo gaze ou algodão com chá de feno-grego e coloque-o sobre o abcesso (renove-o a cada hora ). Se necessário, lancete o abcesso para ajudá-lo a drenar.
Outra sugestão é usar o feno-grego na forma pulverizada e/ou fervida como um pacote para ajudar a sacar toxinas.

Suco de grama de trigo ou seu concentrado em pó

A grama de trigo, uma rica fonte de clorofila e outros nutrientes, é tido como possuidora de benefícios curadores extraordinários e tem sido usada no tratamento de câncer como um agente nutritivo e desintoxicante14. Aparentemente ela é também usada no tratamento de infecções gengivais avançadas. No The Wheatgrass Book [Livro da Grama de Trigo], a Dra. Ann Wigmore relata os esplêndidos sucessos do dentista Homer Judkin ao controlar a angina de Vincent (gengivite ulcerativa necrosante aguda [GUNA] boca de trincheira) e casos avançados de piorreia com injeções de clorofila nas gengivas.

Uma aplicação sugerida seria, por exemplo, bochechá-la como um desinfetante bucal e/ou aplicá-la diretamente na área afetada (de modo semelhante se pode usar o pó de grama de trigo [provavelmente disponível em lojas de produtos naturais] diluído com um pouco de água.

Hidraste/Raiz amarela (hydrastis canadensis)

O hidraste, dentre outras propriedades é tido como anti-inflamatório e anti-microbiano. Para remover o inchaço e dor de um dente com abcesso, experimente aplicá-lo durante o tempo que tolerar (o hidraste é muito amargo).

Um história real de abcesso (1):
Infecção de raiz dentária & homeopatia

(contribuição anônima) "Certa vez tive uma ponte removida apenas quando ela havia me dado sinais de dor durante muitos meses, o que eu lamentavelmente não prestei atenção. O que ocorreu nesse período foi que as bactérias que haviam começado a infestar a área de um dos pilares da ponte tiveram muito tempo para proliferar em seus confortáveis limites, amplamente anaeróbios.16 O dentista disse que eu tinha “gangrena” em minha raiz e viu uma oportunidade de ganhar dinheiro com cirurgia, etc. Essa área continuou a ser desconfortável/dolorida (mas apenas quando se aplicava maior pressão sobre o), denotando a presença de uma infecção latente ao nível da raiz.

Pedi a um amigo terapeuta espiritual ajuda para curar minha infecção da raiz dentária com remédios homeopáticos que ele usava. Ele encontrou o remédio correto15 por meio de um “biotensor” e eu tomei o remédio durante 3 semanas seguidas.

Não notei qualquer efeito, de início. Então o lado direito do rosto começou a se contorcer (num efeito um pouco similar ao que se vê nos quadros de Dali) – o dente com problema encontrava-se em meu maxilar direito. O lado direito continuou a inchar, até mesmo atingindo a área do meu olho direito, eu ainda não tinha ideia do que se passava já que o processo era basicamente indolor. Finalmente, após tomar o remédio por cerca de 3 semanas, tive um impulse de olhar para meu dente num espelho. Ao levantar meu lábio superior com os dedos, com grande surpresa descobri um enorme furúnculo (um abcesso medindo cerca de 1,5 cm em largura x 1 cm x 8mm) que havia se formado sobre a raiz. Quando o toquei com meu dedo, ele rebentou-se e pôs para fora seu conteúdo – que era inodoro (i.e. continha apenas bactérias mortas ou “produtos”).

Foi assim que me livrei da massa dessa infecção de raiz dentária, uma sensibilidade a maior pressão com o dedo permaneceu mas foi reduzida a virtualmente nada, com o tempo...”

(Há, naturalmente, outras abordagens também, veja Remédios contra infecção de raiz dentária.)

Uma história pessoal de gengiva inchada/com abcesso (2):
Molar apodrecido & fluoreto

(contribuição anônima) "Meu testemunho dentário da vida real envolve um molar na mandíbula esquerda que eu vinha tentando (sem sucesso) salvar após uma grande obturação com ouro caiu e que eu não substituí. A grande cavidade do dente estava escurecida por dentro e muita escovação não melhorou sua condição. Seguindo gafes dietéticas como o consumo de açúcar, esse dente oco era frequentemente dolorido quando usado. De fato, durante meses eu não pude mastigar com ele de modo algum, sem dor, o que me forçava a usar o outro lado da boca. Finalmente consegui melhorar sua condição a ponto de poder, novamente, mastigar alimentos macios naquele lado da boca. A área da raiz desse molar, entretanto, apresentava um contínuo e distinto inchaço.

Num esforço para fortalecer e reconstruir mais o dente, comecei a usar pasta de dente com flúor, gel com flúor e enxaguatório com flúor10 repetidamente, escovando com força a área e permitindo que a substância permanecesse na cavidade por um longo período.

Pouco depois e em dois dias, após ingerir melaço e suco de manga maçã (no segundo dia apenas suco de manga maçã, cada vez diluído com um pouco de água, mas ainda claramente ácido), o inferno desabou sobre aquele dente e a gengiva por baixo inchou enormemente. Embora a dor tenha começado apenas como um sentimento de entorpecimento de pressão/dor, em um ou dois dias tornou-se num inchaço enorme, quente e dolorido, acordando-me do sono.

Ao comer saudavelmente (Mistura Budwig11 com pepino integral, brócolis, cebola, cenoura, arame [alga marinha] e leite cru) e me tratar com água salgada, sal (diretamente sobre o abcesso e área inchada, então cuspindo para drenar fluido e provavelmente toxinas) e óleo de melaleuca, consegui dormir e levantar suavizado e sem dor. O inchaço se tornou menos que um furúnculo duro, ainda muito inchado mas em franco processo de cura e finalmente diminuindo a uma mera protuberância larga que permaneceu muito visível, enquanto que podia ser sentida e se mostrava sensível, de fora. Em alguns dias, o dente e a raiz voltaram ao seu estado anterior.

Vejo uma clara conexão entre na realidade envenenando minha boca com fluoreto e o resultante enorme inchaço que se desenvolveu, com o fluoreto, ao invés de supostamente fortalecer meu dente doente, na verdade contribuiu para a sua condição tóxica e ativamente envenenou o terreno do dente/gengiva. Meu corpo então tentou se livrar e tratar com a carga tóxica ao criar o inchaço maior que jamais teve (a maior largura do inchaço gengival na área da raiz dentária alcançou quase aquela do meu dedo indicador, durante a crise).”

Tratando de dor oriunda de um abcesso

As sugestões apresentadas acima e as numerosas dicas suplementares e remédios caseiros apresentados em Remédios dentários caseiros holísticos e naturais, devem ter permitido que você alivie com sucesso qualquer dor oriunda de abcessos. Uma técnica interessante que alguém usou com êxito para tratar dor proveniente de um dente com abcesso pode ser encontrada em Remédios energéticos para dor de dente: Tratamento com a mão/massagem com gelo.

Dica: mais informações úteis

Veja a página relacionada, dos remédios para infecção de raiz dentária que relata sobre abordagens curativas atóxicas, naturais e/ou não invasivas baseadas em evidência esporádica.

Notas de pé de página

1 Veja também Introdução e Conselho Geral para alívio eficaz de dor dental.

2 Compare for instance On Garlic’s Health Benefits Against Cancer & Other Diseases: Incl. “Garlic Health Recipes”.

3 Compare for instance www.healingcancernaturally.com/hamer.html .

4 Autor de Good Teeth Birth To Death [Bons Dentes do Nascimento à Morte].

5 Confronte "Antídotos" a remédios homeopáticos: algo para saber e evitar.

6 Veja mais no endereço: http://charles_w.tripod.com/tooth.html .

7 Presentemente não tenho mais informações sobre isso mas posso adiantar que ímãs (aplicados corretamente) certamente possuem propriedades curadoras espantosas (desde a cura de câncer até a regeneração da cartilagem na junta do joelho, uma “impossibilidade médica” relatada pelo Dr. Bradley Nelson em seu livro seminal The Emotion Code [O Código Emocional]). O livro Vibrational Medicine: The #1 Handbook of Subtle-Energy Therapies [Medicina Vibracional: O Manual nro. 1 das Terapias com Energia Sutil], do Dr. Richard Gerber M.D., altamente recomendado, discute várias pesquisas que mostram a similitude entre o efeito de um curador e um ímã em indivíduos diferentes.

8 Compare Red Clover Flowers (trifolium pratense): An Effective Anticancer Herb?.

9 Veja o Vídeo [em inglês]: Esmalte dentário se degrada com ataque de ácido cítrico.

10 Quando previamente usei gel dental com flúor, tinha sido seduzido pelo brilho que meus dentes frontais apresentaram após escová-los e pensei que o gel com devia ser bom para eles. Mas confronte com [links em inglês] Ingredientes de Pasta Dental que podem prejudicar sua saúde e Fluoretação da Água e pasta dental: o fluoreto arruína dentes, numa visão ampliada e muito diferente (de fato, oposta).

11 Veja The basis of Dr. Johanna Budwig’s oil-protein diet [A Base da dieta óleo-proteína da Dra. Johanna Budwig].

12 For a powerful example of how someone successfully used guided imagery/visualisation to kill "terminal" cancer, see Guided Imagery and Visualization plus Prayer & Meditation Have Healed Cancer. Também confronte com esse brilhante testemunho de cura dental em que uma pessoa regenerou seu molar com simples visualização!

13 For many suggestions re detoxification, see www.healingcancernaturally.com/detoxification.html.

14 Compare Testimonial: terminal breast cancer with multiple tumors, heart failure, advanced diabetes with blindness, extreme weakness, complete inability to digest (the wheat grass juice “detox” cancer cure against all odds).

15 Remédio "correto" significa que o remédio foi correto para meu caso particular naquele momento (cada pessoa poderá necessitar de um remédio diferente, mais em A Homeopatia e os sais de tecido (célula) no tratamento de problemas dentários.

16 Para uma possível alternativa a remoção de uma ponte que parece desenvolver o início de uma infecção, veja Riscos & complicações do uso de uma ponte dentária (role até "8 Conselho para quem usa uma ponte e sente dor").